• Telas Muller

Ano Novo Chinês 2020: o ano do Rato


O ano novo chinês é uma referência à data de comemoração do ano novo adotadas por diversas nações do oriente que seguem um calendário tradicional distinto do ocidental, o calendário chinês. As diferenças entre os dois calendários fazem que a data de início de cada ano-novo chinês caia a cada ano em uma data diferente do calendário ocidental. O calendário chinês é lunissolar, tem em consideração tanto as fases da lua como a posição do sol. O ano-novo chinês começa na noite da lua nova mais próxima do dia em que o sol passa pelo décimo quinto grau de Aquário. Os chineses relacionam cada novo ano a um dos doze animais que teriam atendido ao chamado de Buda para uma reunião. Apenas doze se apresentaram, Buda em agradecimento os transformou nos signos da Astrologia chinesa. Os doze animais do Horóscopo chinês a que correspondem os anos chineses são, de acordo com a ordem que teriam se apresentado a Buda na lenda acima citada: rato, búfalo/boi, tigre, coelho, dragão, cobra, cavalo, cabra, macaco, galo, cão e o porco.

2020 é Ano do Rato: boas chances para coisas novas

A partir de 25 de janeiro de 2020 começa o novo ano no calendário chinês, cujo símbolo é o Rato, com elemento metal, que volta 60 anos depois. Vem auspicioso e propício para brotar, por causa do período de começo de outono. Ou seja, muito favorável para começar coisas novas.


E se justifica pois o calendário chinês começa com o Rato, cujas características básicas são de bastante energia e espírito empreendedor. Gosta do sucesso material, do luxo e do bem-estar.


Como tende a ser um ano para novas realizações e (re)começos, no âmbito profissional poderá ser muito bom, com reconhecimentos. Também muito bom para quem pensa em adquirir bens como imóveis, por exemplo.


Feliz Ano Novo a todos nós!

Rua Pres. Roosevelt, 1352 - Bairro São Miguel, São Leopoldo - RS 93025-640
Contatos:  51 3592-1352      51 98408-1352 WhatsApp

  • Grey Twitter Icon